Translate

Posted by : Middle East Daily Filho May 09, 2012

O regime sírio está apresentando sinais de fraqueza, depois que investiu todas os seus recursos para eliminar todos os seus opositores políticos e militares, sem sucesso até agora. O crescente volume de deserções entre oficiais das fileiras do regime vem minando as tropas que sem liderança, estão ficando inseguras dia, após dia.

Por Saulo Valley para BlogHumans - Rio de Janeiro,  09 de Maio de 2012 - 16h42 GMT-3
Atualização: 19h13

O preço desta resistência por parte da revolução síria está marcado em cada um dos 14,122 mártires que se entregaram para a morte em defesa da liberdade de seu povo, ou foram perseguidos e torturados até a morte por não desistir de acreditar na libertação do povo sírio do regime do clã Assad. Matéria do "washingtonpost" sobre a a crise síria revelou relatório da Cruz Vermelha Síria que apontou um número de pelo menos 1,5 milhão de pessoas em estado de completa privação de alimento, água, luz, abrigo e saúde, em consequência do castigo coletivo implementado pelo regime, que insiste em afirmar que está combatendo o terrorismo..



Medidas desesperadas

De acordo com a Ativista brasileira Sandra Amorim, membro do Grupo de Jornalismo Internacional na Revolução Árabe, que contou que o regime sírio tem usado estratégias cada vez mais baixas para capturar os líderes da revolução popular da Síria. Por causa das limitações impostas pelas Nações Unidas, Sandra Amorim alerta que Shabihas estão se infiltrando no meio das manifestações utilizando celulares e filmadoras, registrando os líderes dos movimentos e entregando as informações para os serviços de inteligência.

VIDEO URGENTE - O emprego de armas químicas proibidas contra civis não são novidades na Sìria. Nesta quarta um bombardeio químico levou 10 pessoas à morte por queimaduras gravíssimas pelo corpo na cidade de Rastan. Outras dezenas de civis estão em estado crítico por causa das profundas queimaduras.



Luciene Silva é outra ativista brasileira, que contou nesta quarta-feira que o regime sírio tem sido obrigado a conviver com a insegurança. Um estado de "histeria e medo" tem dominado as fileiras do ramo de "segurança" do ditador Bashar Al-Assad. Segundo informações enviadas por militares infiltrados no regime, os oficiais do exército sírio estão com medo de ir para suas casas e pôr em risco suas famílias também. De acordo com as fontes, nenhum oficial consegue voltar para suas casas sem que esteja cercado por grande número de tanques e tropas, incluindo os chefes de inteligência militar. As fontes disseram ainda que o Serviço de Inteligência do Ar, é o que tem mais sido abalado com a desintegração do sistema, revelando um número avassalador de deserções.

A jornalista e ativista síria Dima AIRfaay reportou na manhã de hoje, que uma grande rebelião está ainda acontecendo na área do Hospital Militar de Homs. Em consequência do grande número de deserções, o regime sírio iniciou um pesado bombardeio principalmente na Homs antiga. Dima revela ainda que as mesquitas têm sido alvos primários dos ataques e que os bombardeios foram responsáveis pelas mortes de 3 mulheres cujos nomes foram divulgados: Khadija Al Halak, Fátima Mamdouh, e Shahdeyi Harba.


Documento secreto vazado revela que inteligência descobriu que
 FSA (Exército Livre) se prepara para tomar Damasco. 09-05-2112

Documento vazado havia sido enviado por Ali Mamlouk, o diretor-geral da agência nacional de inteligência na Síria para os demais comandos da inteligência alertando nesta quarta, que o Exército Livre está se preparando para uma tentativa de tomar Damasco, justo um dia depois que a Aljazeera anunciou que o FSA (Exército Sírio Livre) havia chamado seus combatentes para reagrupar.




Fontes ligadas à inteligência revelaram ainda nesta quarta que o FSA determinou um prazo de 48 horas para a queda do regime, devendo não passar de Sábado (apesar do prazo curto é a primeira vez que sinto que o fim está próximo).

Outras fontes ainda revelaram citando funcionários que trabalham no aeroporto, que afirma que há um número impressionante e pessoas de 3 famílias distintas com passagens reservadas para países aliados da Síria.

18:00 GMT-3 Conselhos Locais de Coordenação na Síria:

"O número de mártires na Síria que foram mortos pelo exército do regime e tiros das forças de segurança aumentou para 20. 7 mártires em Homs, 6 mártires em Hama, 3 mártires nos subúrbios de Damasco, 2 mártires em Idlib e um mártir em cada um de Aleppo e Deir Ezzor."

Leave a Reply

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

Estatisticas

Searching this blog

Popular Post

Blog Archive

Facebook

Blog Humans by World Peoples

My photo

O BlogHumans é uma página de internet voltada para os direitos humanos internacionais, cada vez mais necessários nos atormentados dias de hoje. Escrito em vários idiomas, o BlogHumans é composto por diversos colaboradores internacionais. Ativistas, jornalistas e escritores defendem e lutam pelos direitos de todos os povos oprimidos no planeta.  Seja mais um a colaborar ativamente para a evolução deste importante trabalho para a manutenção da dignidasde da raça humana!
http://bloghumans.blogspot.com

Google+ Followers

Send to a Friend

Share |

Support Us, Please?

There was an error in this gadget

Country Counter

Followers

BlogHumans NGO. Powered by Blogger.

- Copyright © Middle East Daily -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -