Translate

Posted by : Middle East Daily Filho August 11, 2011

As fontes locais são muitas e têm se multiplicado dado o número de civis que busca fugir da destruição  pedindo o fim do genocídio sírio. A contagem dos mortos vai ficando cada vez mais impossível. Dezenas de pessoas e as vezes centenas delas, são enterradas por todos os lados nas cidades isoladas pelo bloqueio militar, onde nem os cemitérios, nem os hospitais têm sido acessíveis.


Demonstrações hoje no início da noite em Homs - abukasham1993
Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 11 de Agosto de 2011 - 18h55min.

Enquanto Assad ignora os alertas internacionais e até mesmo a sutileza da diplomacia, seus tanques rasgam o solo sírio em busca de manifestantes, como um dragão devorador. Em resposta ao anormal fluxo de diplomatas ao seu país, Bashar Al-Assad avisa que "não vai deixar de perseguir os terroristas."

Em guerra declarada contra o regime, os rebeldes já avisaram que não há diálogo e que não se curvarão ao sistema. A Revolução da Síria apresentou uma série de relatórios sobre o dia de hoje em toda a síria. Já o CCLS ( Coordenação de Comitês Locais da Síria) descreveu grande parte das mortes e feridos.

Uma das crianças mortas hoje em Homs - cortesia Syria2011freee
Mas os dias têm sido ainda mais difíceis depois que o mundo decidiu pressionar Assad. Agências de notícias árabes que dizem que um novo pacote de pressões e sanções está para ser apresentado nestes dias. Desta vez o Conselho de Segurança das Nações Unidas vai buscar melhores resultados.

A revolução da Síria apresentou ainda no início da noite desta Quinta-feira uma lista com 61 nomes de presos hoje. Entre eles, doutores, advogado e outros intelectuais.

No Facebook


Um ataque hacker atribuído ao mais perigoso e conhecido grupo de invasores do mundo que atua com o apelido "Anonymous" teria invadido a rede social Facebook. O ataque durou cerca de 12 horas. Justamente quando se iniciou uma gigantesca onda de mídia em torno do anúncio de que o grupo destruiria o Facebook até 05 de Novembro deste ano. Informação que foi desmentida (em parte) pelo site de notícias "Terra".

De acordo com informações de usuários, inclusive este que vos escreve, vários links deixaram de funcionar, além de funções das salas de bate-papo, escritas e postagens nos "walls".

Ainda foi notificado por outros usuários o fechamento e a abertura de contas. Modificação de datas e de logos.

Segundo fontes, os ataques estão ligados às revoluções da Síria e da Líbia, quando os invasores buscavam retirar informações dos usuários. (eu percebi que estava perdendo o controle do site, fiz o "logout" e depois o "login" com outro browser, troquei a senha e mudei as configurações de segurança para só permitir o acesso do meu computador, citando o nome da minha máquina.)

Não pude confirmar a informação que foi passada que muitas páginas de revoluções tiveram seus títulos tornados opacos.

Anti-democracia

Na confusão do dia ainda foi possível notar a presença de interlocutores do governo sírio chamando a atenção do mundo para si mesmos em busca de convencer à imprensa mundial de que as mortes não são verdadeiras e que os protestos não existem. É o caso de um certo "professor de história" que nos últimos 3 meses tem buscado tornar-se claramente o centro das atenções do mundo. Fui pessoalmente em sua página no facebook e encontrei apenas amigos pró-Assad, pró-Gaddafi e pró-Mubbarak. Pedi que ele me explicasse sua visão, mas desisti de esperar pela resposta depois do grande número de informações explícitas em seu "wall".

Por infelicidade, seus argumentos fracos e mentirosos foram publicados pela respeitada instituição brasileira, a "Fundação Nacional pela Democratização da Comunicação". O aventureiro que não quero citar o nome pra não favorecê-lo disse ter cruzado a Síria livremente durante o mês de junho e não encontrou nada de
anormal. Apenas uns grupinhos brigando entre eles... Chamando em outras palavras, a revolução de uma "grande fabricação". Afrontando os milhares de sírios que estão morrendo e sendo presos, torturados, esmagados e espremidos por mão de ferro do regime sírio.

Ele tem atacado a respeitada agência "AFP" juntamente com o "Observatório Sírio para os Direitos Humanos", buscando desqualificar suas citações, avaliações e informações. Estes ataques denunciam claramente sua origem, mostrando o quão pactuado com a corrupção no mundo árabe ele é. Para ter certeza, basta procurar o seu nome no facebook, mas para descobrir você vai precisar seguir este link de mentiras, porque eu me recuso a citar este nome em minhas postagens.

Leave a Reply

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

Estatisticas

Searching this blog

Popular Post

Blog Archive

Facebook

Blog Humans by World Peoples

My photo

O BlogHumans é uma página de internet voltada para os direitos humanos internacionais, cada vez mais necessários nos atormentados dias de hoje. Escrito em vários idiomas, o BlogHumans é composto por diversos colaboradores internacionais. Ativistas, jornalistas e escritores defendem e lutam pelos direitos de todos os povos oprimidos no planeta.  Seja mais um a colaborar ativamente para a evolução deste importante trabalho para a manutenção da dignidasde da raça humana!
http://bloghumans.blogspot.com

Google+ Followers

Send to a Friend

Share |

Support Us, Please?

There was an error in this gadget

Country Counter

Followers

BlogHumans NGO. Powered by Blogger.

- Copyright © Middle East Daily -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -