Translate

Posted by : Middle East Daily Filho June 03, 2012

O regime sírio está espalhando terror pelos quatro cantos do Oriente Médio e Europa, atingindo principalmente os países fronteiriços (destaque para a Turquia e Líbano), que estão sofrendo com a perseguição brutal e mortal aos refugiados sírios. Com o crescimento da perseguição além-fronteiras sírias, os FSA tem expandido suas ações a fim de proteger os cidadãos sírios e os curdos que iniciaram uma grande migração para o Iraque. Neste terreno novo, foi noticiado neste Domingo a primeira rebelião oficializada de soldados do exército regular iraquiano para o crescente exército de oposição a Bashar Al-Assad FSA (Free Syrian Army), conhecido como Exército Livre.

Cortesia Free "Syrian Army English - Facebook"
Por Saulo Valley para JIRABH (Jornalismo Internacional da Revolução Árabe do BlogHumans)
Rio de Janeiro, 03 de Junho de 2012 - 12h22 GMT-3

Logo depois dos últimos incidentes do mês de Maio: O sequestro de libaneses que ocupavam um ônibus que passava na fronteira com a Turquia, o bombardeio de Rastan e o Massacre de Hula, o FSA reclamou das Nações Unidas e a Comunidade Internacional o direito de proteger o povo da Síria e resgatar e vingar os libaneses sequestrados.

O FSA tem sido a única força militar a sair em socorro do povo sírio, enquanto a Liga Árabe e as Nações Unidas buscam criar meios seguros de cessar o continuado genocídio de civis no país governado pelo regime autocrata da família Assad e o único partido no poder Ba'ath (o mesmo do ex-ditador Saddam Hussein).

Video gravado em tempo real no front em Idlib durante ataque
 do FSA a um ponto de controle do exército sírio, inutilizando 3
 tanques A operação aconteceu em  03-Jun-2012 -  O relatório
 divulgado  pelo  FSA diz que 30 mortos e 20 feridos foi o número
 de baixas do regime sírio nesta operação. 
O FSA enfrenta sérios problemas estruturais e se utiliza de recursos ainda artesanais, tendo recebido apenas alguns carregamentos de armas enviada pelos Estados Unidos e confirmado pelo presidente americano Barack Obama no último mês. cerca de 50.000 soldados dissidentes e jovens voluntários empregando suas vidas e armas leves e ligeiras, apoiadas por técnicas de guerrilha para enfrentar o gigante exército regular sírio que acredita-se esteja mantendo um contingente de pelo menos 500.000 soldados, ainda conta com todas as armas militares de todos os calibres possíveis a um país (suspeitas ainda de bomba atômica), inclusive vasto estoque de armas químicas. Tudo isto ainda com o apoio militar, logístico e direto do Heszbollah, Guarda Republicana Iraniana, Russa e chinesa. (países com histórias de nazismo ou comunismo).

Sozinho no meio de num turbilhão de dificuldades, o Exército Livre tem recebido treinamento militar na Turquia e no Líbano de países denominadamente democráticos. As tropas cada vez mais capacitadas ainda realizam trabalhos exaustivos para conter o gigantesco fluxo de tanques sírios e ônibus e veículos militares e civis lotados por milícias de Shabihas, forças de segurança e estrangeiros de países pró-Assad.

...E por falar em gigante:

Uma ativista internacional ligada ao serviço de inteligência do FSA enviou um comunicado ao BlogHumans  a respeito de uma gigante operação militar síria nas seguintes áreas do Golan: Kazaz - Babila - escorpião - Yalda - cubby - Zainab - Alveabih - ovo - Seadlah - Sbeineh. Estas regiões são bairros e vilas localizados na região rural de Damasco.


De acordo com informações da fonte, citando o FSA como alertando para uma grande campanha para esmagar o Exército Livre em poucos passos, a exemplo do massacre de Hula. A fonte disse que os hotéis nestas regiões foram evacuados e tem havido inserção de agentes "Hbihh" xiitas oriundos do Líbano e Iraque. A operação ainda contará com reforços de "mercenários, Hbihh e alauítas da Faculdade de guerra eletrônica para gerenciar o bombardeio".

Enquanto isto a população tem relatado pesadas fumaças negras subindo destas regiões rurais, em consequência dos bombardeios e ataques diretos a civis por meio de tanques, morteiros e artilharia. Na região de Harram colunas de tanques e equipamentos de artilharia foram relatados como entrando na cidade provocando a fuga de milhares de pessoas para outras cidades, aldeias e até mesmo para as plantações e matas próximas.


Já no dia 01 de Junho foi registrado o extermínio de uma família composta por um casal e uma criança na região de Hamouriya.

Novo massacre de uma família na região rural de Damasco aconteceu no sábado
01-06-2012 - "Snapshot cenas de violência + 18"
Damasco Capital


Tensão tem se estendido à toda capital Damasco com a informação de implantação de atiradores de elite no aeroporto militar de Mezze, ainda patrulhamento ostensivo por terra e ar.

Entrevistas

Declaração do primeiro-ministro turco Tayyp Edorgan para uma via satélite da turquia que disse que a autoridade turca foi citada como classificando o presidente sírio Bashar Al-Assad como "Tirano".  Na ocasião, Edorgan teria dito:
"Até agora, não o vemos aplicar o entendimento para reformas democráticas, e continua a lidar com problemas, com a lógica da abordagem autoritária". De acordo com a fonte ele ainda teria dito que: "eu acho que seria muito difícil estabelecer a paz na Síria, enquanto esta atitude prevalece".

Depoimento que também chamou muito a atenção da população síria, foi da embaixatriz da Boa Vontade da UNHCR para o Oriente Médio Angelina Jolie que ao ser perguntada sobre sua opinião com relação ao massacre de Hula teria se emocionado, ficando em silêncio por um tempo, até se recuperar. De acordo com Sara Alsouria que não citou  sua fonte, disse que a atriz disse estar pronta para visitar Houla, mas que há um grande esforço para fazê-la desistir do projeto, por constituir um elevado risco à sua própria segurança.

ATUALIZAÇÃO URGENTE 14h21 GMT-3

Relato de que médicos treinados pelos regime sírio estão matando os pacientes com injeções letais. De acordo com a mensagem enviada pela ativista Isabelle Prax, ativista do JIRABH do BlogHumans, a enfermeira Basel Mansour, capturada pelo FSA confessou que nos hospitais de Aleppo tem praticado este crime matando um número não revelado de manifestantes de todas as idades e ambos os sexos. O FSA publicou os números de todos os documentos da enfermeira que é Alawita.

A enfermeira que trabalha em uma reunião hospital em Aleppo e um hospital militar .. e do Hospital Universitário e Aleppo Hospital ..  chamado Basel Mansour admitiu  que se formou na Escola de Enfermagem de Aleppo, número 882. Confessou ter matado manifestantes homens e mulheres jovens que são presos manifestações em Aleppo e em outras cidades como Idlib, Hama e Aleppo rural... eliminados por injeção letal ...Continuar lendo

Leave a Reply

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

Estatisticas

Searching this blog

Popular Post

Blog Archive

Facebook

Blog Humans by World Peoples

My photo

O BlogHumans é uma página de internet voltada para os direitos humanos internacionais, cada vez mais necessários nos atormentados dias de hoje. Escrito em vários idiomas, o BlogHumans é composto por diversos colaboradores internacionais. Ativistas, jornalistas e escritores defendem e lutam pelos direitos de todos os povos oprimidos no planeta.  Seja mais um a colaborar ativamente para a evolução deste importante trabalho para a manutenção da dignidasde da raça humana!
http://bloghumans.blogspot.com

Google+ Followers

Send to a Friend

Share |

Support Us, Please?

There was an error in this gadget

Country Counter

Followers

BlogHumans NGO. Powered by Blogger.

- Copyright © Middle East Daily -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -